Geral
Anônimo

Anônimo

Pq a origem do nome "verde" não tem nada a ver com a fruta limão, diferente do laranja que está diretamente ligado à fruta. Veja as origens:


Limão:

Os primeiros limões conhecidos foram encontrados na Pérsia, onde a palavra LIMUN significa "fruta cítrica" - daí o nome.

Laranja (fruta):

Vêm do Sânscrito naranga, através do Persa narang e do Árabe, narang e larang. Esses nomes são citados por etimólogos como uma variação do Árabe tânger (tangerina). "Mas o que é que a tangerina tem a ver com essa história?" Calma, a gente explica: A laranja é um fruto híbrido, criado na antiguidade a partir do cruzamento da cimboa com a tangerina (que ganhou esse nome devido ao porto de Tânger, no Marrocos de onde as tangerinas eram exportadas para a Europa).


Laranja (cor): quando os árabes voltaram da Europa com um carregamento de uma fruta nova chamada "laranja", associaram o nome da fruta à cor.

Verde: também foi baseado em frutas. Quando a fruta está crescendo, geralmente tem a cor verde. Em latim, o verbo "viver" significa crescer. Logo, quando a fruta estava crescendo, ela estava "vivere", que virou "verde".

Encontrar 2 gifs ocultos é fácil, quero ver encontrar o terceiro e colar o link nos comentários.

Geral
Maryana Mourullo

Maryana Mourullo

Porque esse "verde" do milho verde não é referente à cor, mas ao seu estágio de maturação. Esse estágio também é conhecido pelos agricultores como "estado de leite", que é quando os grãos ficam cheios de um suco leitoso.

 Se não for colhido nesse ponto, o milho amadurece dentro de 15 ou 20 dias. Aí adeus bolo de milho, pamonha e curau. Essa espiga com grãos duros só servirá, entre outros usos, como semente, para fazer farinha e alimentar aves.

Se vc encontrou o vídeo oculto, não conte a ninguém onde está, apenas cante um pedacinho da música nos comentários.

Geral
Andrey Dias

Andrey Dias

Porque antigamente eles realmente eram negros e feitos de pedra. E não estamos falando da pré-história.

Hoje feitas com lâminas de madeira, no século 19, quando as lousas começaram a ser produzidas industrialmente, eram feitas de ardósia preta ou cinza escuro. Já no século 20, quando a madeira começou a substituir a ardósia, é que o quadro negro ficou verde, uma cor mais confortável aos olhos e que destaca melhor as cores de giz. Mas o nome já fazia parte do cotidiano de alunos e professores, e até hoje, muita gente ainda chama a lousa de quadro negro. 

Uma curiosidade legal é que antigamente, quando as lousas ainda eram feitas de pedra, os alunos não levavam lápis e caderno para a escola, mas um pequeno quadro negro e pedras de escrever. Só a partir de 1920, com o crescimento da produção de papel é que os cadernos começaram a substituir as lousas individuais.

Será que no futuro as lousas serão substituídas por dispositivos parecidos com
o Google Glass?

Cinema
Os 10 piores filmes de super-heróis da história do cinema

Num ano repleto de lançamentos de filmes de super-heróis nos cinemas, nada como olhar pra trás e relembrar as grandes bombas que já foram exibidas nas telonas. Não foram poucos, mas elegemos 10 filmes que tiveram o superpoder de serem grandes fracassos cinematográficos. Continue lendo...