Geral
Final croata seria feito duplamente inédito

Nesta quarta-feira (11), a Croácia enfrenta a Inglaterra no estádio Luzhniki em Moscou por uma vaga na final da Copa do Mundo de 2018. Os croatas são a sensação da Copa, após serem primeiros colocados num grupo com Argentina, Islândia e Nigéria e passarem por Dinamarca e Rússia nos pênaltis nas oitavas e quartas de finais desta Copa, respectivamente. Caso passem pelos ingleses e cheguem à final, conseguirão um fato duplamente inédito.

A Croácia chegaria à sua primeira final - mais do que isso, seria o primeiro país surgido após a criação da Copa do Mundo a conseguir tal feito. A primeira Copa do Mundo foi disputada em 1930 e até a 14a edição da Copa, disputada na Itália em 1990, a Croácia não era independente - separou-se da ex-Iugoslávia em 1991. Há um exemplo inverso: Tchecoslováquia não existe mais e já decidiu Copa do Mundo. Foi finalista em 1934 e 1962 - esta última, contra o Brasil, no Chile.