Geral
Influenciadoras digitais brasileiras têm até 25% de seguidores falsos

Estudo realizado pelo Núcleo de Inovação em Mídia Digital (NiMD) da Faculdade Armando Álvares Penteado (FAAP) mostra que as influenciadoras digitais brasileiras de moda e beleza tem até 25% de seguidores falsos no Instagram. Com auxílio da ferramenta HypeAuditor, foram coletados dados de 25 perfis durante o mês de junho de 2018. Os perfis foram divididos em cinco grupos, com cinco influenciadoras em cada, todas escolhidas aleatoriamente - as identidades dessas influenciadoras foram preservadas.

O grupo 1 tinha artistas e atrizes com mais de um milhão de seguidores; o grupo 2 inclui influenciadoras com mais de um milhão de seguidores; o 3, influenciadoras que têm entre 200 mil e 500 mil seguidores; no 4, aquelas com 20 mil a 50 mil seguidores e, no 5, microinfluenciadoras (entre 3 mil e 10 mil seguidores). As influenciadoras, possuem até 25% de seus seguidores formados por perfis falsos ou que usam robôs automatizar interações.

Para identificar esses perfis, fatores como o número de seguidores, pessoas que a conta segue, número de publicações, resolução das fotos são levados em conta.O estudo ainda analisou o engajamento dos perfis: curtidas, comentários, respostas e compartilhamentos. Em geral, quanto mais seguidores, menor o engajamento. Em perfis de artistas, o engajamento real e não feito por ferramentas automáticas é de 60%; no caso de influenciadoras, o nível cai para 45%.

Fonte