Geral
Discretamente, uma lei da física controla a sua vida - e pode melhorá-la

Muitas vezes, a gente se pergunta porque as coisas são como são. Um rio faz muitas curvas para chegar à sua foz, um cacto se adapta para viver em ambientes áridos. Segundo Adrian Bejan, professor de Engenharia Mecânica da Universidade de Duke (EUA) diz que há uma lei que rege o movimento de todas as coisas - sejam elas animadas ou inanimadas. Teorias existem aos milhares mas leis físicas são poucas: elas precisam explicar um fenômeno universal.

A inspiração surgiu quando Bejan ele desenhava um sistema de refrigeração de notebooks. Ele nomeou sua descoberta de Lei Construcutal, em 1996. Para, para deixá-la mais acessível ao público, ele escreveu um livro chamado A Física da Vida, a Lei que rege tudo, publicado em 2016. Para Bejan, qualquer movimento, seja uma corrente migratória de pássaros ou uma rede de computadores, sempre avança rumo a uma maior eficácia.

Para ele, isso também pode ser aplicado à estrutura do cérebro e aos pensamentos - e isso pode ajudar a melhorar a sua vida. Se uma dinâmica funciona melhor quanto mais fluida e livre for, um bom lema de vida poderia ser: "não pare". Da mesma forma, a inação deteria esse processo de otimização natural. Que tal experimentar a lei criada pelo cientista americano?

Fonte

Geral
Evandro Ragonha

Evandro Ragonha

Vc já deve ter observado que aquelas bolhas de sabão que fazemos com o canudinho, quando expostas ao sol ficam multi-coloridas, certo? Isso acontece pq a película de sabão serve como uma espécie de prisma que decompõe a luz nas diversas cores, tornando a bolha multi-colorida. Como a espuma de sabão é formada de micro-bolhas que, por serem tão pequenas, acabam misturando todas as cores resultantes do processo de refração da luz. Como o branco é a soma de todas as cores do espectro visível, enxergamos a espuma branca!

Geral
Anônimo

Anônimo

Sim. Apesar de levantar tanta polêmica quanto mamilos, a comunidade científica o defende como líquido por causa da sua composição. Sólidos apresentam suas moléculas estáveis, com uma estrutura periodicamente organizada. As moléculas do vidro não se comportam assim. Mesmo que muuuuuuito lentamente, elas têm uma movimentação.

Isso porque o vidro é o material resultado da areia submetida a altíssimas temperaturas até se tornar líquida, daí é imediatamente resfriada a temperaturas baixíssimas. Embora com uma altíssima viscosidade, ele continua líquido. O maior argumento são os vitrais das antigas igrejas: eles são mais finos no alto e mais largos na base se comparados a quando foram produzidos. Isso pq o vidro, em séculos, escorreu. As paredes das igrejas, contato, continuam iguais.