Instagram

Segundo estudo publicado no Journal of Health Psychology, pessoas mais inteligentes possuem menos tendência a praticar atividades físicas, como malhar em uma academia.

Chamado de “O sacrifício físico de pensar: Investigando a relação entre o pensamento e a atividade física na vida cotidiana“, o estudo coletou dados de 60 estudantes. Entre eles, havia alta ou baixa atividade cognitiva. Ou seja, maior ou menor aquisição de conhecimento.

Durante uma semana, todos os alunos usaram rastreadores de atividade física. Ao final do tempo de estudo, os estudantes com maior atividade cognitiva tinham gastado menos tempo com atividades físicas. O estudo concluiu que pessoas com a mente mais ativa intelectualmente e sem “necessidade de cognição” tendem a ser menos ativos fisicamente.