Instagram

De acordo com pesquisa da empresa a iPass, que entrevistou 1,7 mil pessoas dos Estados Unidos e da Europa fazendo esta pergunta, 40% acreditam que o WiFi é prioridade no dia a dia. Sobre sexo, o número cai para 37%. Em terceiro lugar fica o chocolate, com 14%, seguido por álcool (9%).

"WiFi não é apenas o método mais popular de conexão à internet: ele também suplantou muitos outros luxos e necessidades humanas”, diz Patricia Hume, do iPass.

Outro dado interessante da pesquisa: entre os viajantes, 72% escolhem hotéis baseando-se na disponibilidade do WiFi, não no valor da tarifa.

Fonte

Geral
Anônimo

Anônimo

No Cristianismo, a Páscoa significa o renascimento e a vida nova, foi assim que escolheram o coelho, um animal fértil, que se reproduz em muita quantidade para representar esta festa.

Já a tradição do Ovo de Páscoa, veio muito antes de Cristo. Antigamente na Europa, as pessoas trocavam ovos para marcar o Equinócio, ou seja, o fim do Inverno e início da Primavera. Com a chegada do Cristianismo, a Páscoa integrou à Semana Santa esta troca de ovos, e viram nesta simbologia a ressurreição de Cristo. Mas nesta época a troca ainda era de Ovos de Galinhas decorados ou não. A cultura do chocolate nos foi passada pelos franceses, e desde o século XIX os doces fazem parte das festividades.

Que bom que hoje em dia os ovos de páscoa são de chocolate, por que se fosse de galinha não seria tão legal né. Se você concorda comenta aí "Quero uma galinha que bote ovos de chocolate! ;-)"

Instagram

Chocolate é afrodisíaco? Astecas já diziam que sim, mas a ciência sempre torceu o nariz para isso. Agora, pesquisadores consideraram se alguns alimentos provocam sentimentos de romance entre os participantes de alguns estudos.

O estudo realizado pela Dra. Jennifer Nasser, professora associada de Ciências da Nutrição na Universidade Drexel, constatou que o consumo de chocolate faz com que seu cérebro libere o prazer da dopamina química, o que poderia colocá-lo no clima de romance.

Em outro experimento as pessoas foram alimentadas ora com mini biscoitos, ora com batatas fritas. Então, eles fizeram o mesmo com refrigerante e água com gás. De acordo com os pesquisadores, as pessoas solteiras que acabavam de receber a escolha açucarada eram mais propensas a começar a imaginar relacionamentos amorosos hipotéticos. Além disso, eles descreveram essas relações como comprometidas e satisfatórias.

Os pesquisadores também decidiram realizar um experimento em que os participantes bebiam refrigerante ou água e então eram convidados a visualizar vários perfis de namoro. Novamente, aqueles que haviam consumido a escolha açucarada demonstraram um maior interesse pelos perfis e até classificaram os pretendentes como sendo mais atraentes.

Mas enquanto os solteiros podem colher os benefícios românticos do consumo de açúcar, há más notícias para aqueles que estão em relacionamentos. Comer doces não parece ter um efeito sobre os romances existentes em termos de como um casal percebem um ao outro. Em geral, no entanto, o chocolate ainda pode ser responsável por aumentar a libido.

Fonte