Geral
Léo F. Silveira

Léo F. Silveira

Pq elas geram muito calor. Como vc já deve saber, quando o ar quente sobe, o ar frio desce. De tão quente que é a bolha de ar formada por uma explosão atômica, ela sobe numa velocidade incrível, levando poeira e detritos, formando o "corpo" do cogumelo. Nessa subida, ela vai gastando energia e, portanto, perdendo calor. Quando ela já não tem calor o suficiente para subir, espalha-se para os lados, criando a "cabeça" do cogumelo. Isso pode acontecer até em torno de 15 km de altura, quando sai da troposfera e encontra outro clima - bem mais frio. Deste ponto é muito difícil dela passar.

Mas engana-se quem acha que só as bombas atômicas geram essa forma de fumaça. Bombas químicas poderosas surtem o mesmo efeito.


Geral
Viviane Yule

Viviane Yule

Pq o vinagre tem entre 5% e 7% de ácido acético em sua composição. Este ácido, oficialmente conhecido como ácido etanoico, tem como característica seu cheiro muito forte, que chega a mascarar os demais odores. É comumente utilizado em higiene pessoal, lavagem de roupas, desodorização de ambientes e até mesmo em limpeza diária (sua mãe provavelmente já jogou vinagre onde seu cachorro fez xixi, para tirar o cheiro de urina).

Já a o gás lacrimogêneo (do latim lácrima = lágrima) é uma solução de brometo de benzila (C7H7Br). Quando esse brometo de benzila reage ao ácido acético do vinagre, esse bromo é "sequestrado" pelo H+ do ácido acético, formando um novo composto, o benzoato de etila, que não é irritante. 
Logo, se em um ataque de gás lacrimogêneo você leva um pano embebido com vinagre ao nariz, o ácido acético vai transformar o brometo de benzila em benzoato de etila, suavizando os efeitos.  Todavia, se inalado por um longo período, causa danos à saúde como irritação no trato respiratório superior e bronquite crônica, podendo levar a um edema pulmonar em casos graves. Caso algum sintoma se apresente, o paciente deve inalar ar puro imediatamente.

Vale lembrar que o vinagre só funciona específicamente para as bombas de gás lacrimogêneo.