Geral
Vinicius Sobreira

Vinicius Sobreira

Porque as mãos absorvem a água e, encharcada, a pele fica frouxa, certo? Errado.

Esta antiga explicação para o fenômeno exclusivo em humanos e macacos, era apoiada no fato de que a pele de mãos e pés é mais rica em melanina, o que aumentaria o nível de absorção e deixaria a pele murcha e inchada.

Mas esta teoria tinha alguns furos. O principal é que quem tem problemas nos nervos dos pés e das mãos não fica enrugado quando está de molho - ainda que esses problemas nos nervos não tenham acarretado nenhuma alteração nos níveis de melanina da pele.


Mas e então, por que isso acontece?

Ao que tudo indica, trata-se de mais uma função automática que a evolução implementou (ou está implementando) em algum update no sistema do corpo humano. Evolution Human - version 9.05481765436548768935e89w – PLUS ®

O revolucionário feature adapta a pele das mãos e dos pés para melhorar a tração quando estamos na água. Seria como se existisse uma tecnologia capaz de criar um pneu de Fórmula 1 que fica liso em pista seca, mas quando começa a chover, se transforma automaticamente em pneu de pista molhada.

Pneus de chuva da Fórmula 1: capazes de evacuar até 60 litros de água por segundo.

Mesmo que esta seja atualmente a resposta mais aceita pela comunidade científica, ainda não há provas irrefutáveis de que é o real (e único) motivo das nossas mãos e pés "envelhecerem" na água.

Mas se esta teoria estiver correta, provavelmente foi de uma significativa vantagem evolutiva para os primatas na busca de alimento e no deslocamento entre vegetação úmida ou árvores molhadas.

fonte

Geral
Brasileiros são campeões mundiais em banho, mas metade não lava as mãos

Herança indígena, o hábito de tomar banho todos os dias faz dos brasileiros o povo campeão do mundo nesse quesito: são, em média, 19,8 banhos por semana. Para comparação, os russos, segundos colocados no ranking, tomam 8,4 banhos por semana. No fim da lista de 10 países pesquisados, estão China e Índia, com 4,9 e 3 banhos por semana, respectivamente. Porém, na limpeza das mãos – mais importante que lavar o corpo - estamos longe de ser um bom exemplo, ficando atrás de italianos, franceses, russos e britânicos.

Só 11% lavam as mãos antes de alimentar as crianças; 49% limpam as mãos depois de usar o banheiro; 46% antes de preparar a comida e 21% depois de tocar em animais. Não lavar as mãos pode causar infecções - a mão está em contato com olhos, nariz e boca, áreas sensíveis a ataques de vírus e bactérias. Só para se ter uma ideia da importância de lavar as mãos, na epidemia de gripe por vírus H1N1, quando se reforçou este hábito, caiu o número de casos de diarreia, conjuntivite e infecção hospitalar.

Outras doenças como hepatite A, gripes, conjuntivites, rotavírus e parasitoses também podem ser transmitidas desse modo. Uma boa medida é colocar pontos com álcool gel em áreas com grande fluxo de público. Isso reduz o uso de antibióticos. Deve-se evitar a água quente e, se for necessário, aplicar hidratante após o banho. Os médicos não indicam sabonete bactericida no banho porque isso pode deixar a pele vulnerável aos germes. No caso das mãos, os sabonetes bactericidas têm benefícios porque matam micro-organismos nocivos.

Fonte

Geral
Vinicius D Limaa

Vinicius D Limaa

Em primeiro lugar,  pq ele é um desenho animado e tem total licença poética para isso sem ter que dar maiores explicações. Mas entrando de cabeça na lógica do personagem, ele usa a toalha para se enxugar, certo? Como as penas acumulariam bastante água, enrolar uma toalha na cintura pode ser muito eficiente para não sair respingando pela casa toda. Imagine a como a Margarida ficaria furiosa com a casa cheia de respingos. Além do mais, não usar a toalha pode ser perigoso para um pato. Com o chão molhado, a possibilidade de se escorregar e cair é muito grande. 

Então se você é um pato, querido leitor, já sabe: mesmo que não tenha o costume de usar calças, enrole sempre uma toalha na cintura após o banho para evitar acidentes.