Geral
Anônimo

Anônimo

É uma homenagem dos fãs ao escritor Douglas Adams, autor do Guia do Mochileiro das Galáxias. A comemoração existe desde 2001, ano da morte de Adams. De lá pra cá, a data vem ganhando importância mundial e têm sido muito explorada, inclusive pelo comércio. O dia 25 de maio foi escolhido pois foi a data da primeira homenagem do h2g2, comunidade virtual inspirada nO Guia, criada para construir um manual para a vida, o universo e tudo mais.

A data é lembrada pelos fãs que carregam uma toalha durante o dia inteiro com eles. Alguns usam como capa, outros como um turbante, enfim cada um usa a toalha como deseja.

De acordo com a obra, a toalha é um dos objetos mais úteis e indispensáveis para um mochileiro interestelar:

- Você pode usá-la como agasalho quando atravessar as frias luas de Beta de Jagla;

- Pode deitar-se sobre ela nas reluzentes praias de areia marmórea de Santragino V;

- Você pode dormir debaixo dela sob as estrelas que brilham avermelhadas no mundo desértico de Kakrafoon;

- A toalha pode ser usada como vela numa minijangada para descer as águas lentas e pesadas do rio Moth;

- Umedecida, ela pode ser usada para lutar em um combate corpo a corpo;

- Pode ser enrolada na cabeça para te proteger de emanações tóxicas ou para evitar o olhar da Terrível Besta Voraz de Traal;

- Você pode agitar a toalha em situações de emergência para pedir socorro;

- Curiosamente, a toalha também pode ser usada para se enxugar, caso ela ainda esteja razoavelmente limpa.


Bônus: 25 de maio também é considerado por muitos o Dia do Orgulho Nerd, por ter sido a data da première do primeiro filme da série Star Wars Episódio IV: Uma Nova Esperança, em 1977.

Geral
Mayra Santos

Mayra Santos

Devido ao modo em que o creme dental é inserido no tubo.

Após utilizarem misturas com sal de cozinha, pimenta, folhas de menta e até fórmulas baseadas em urina, a indústria dos cremes dentais evoluiu ao ponto de agora podermos comprar pastas de dente estilosas, coloridas, com listras e até com sabores diferentes.

No caso das pastas brancas com listras coloridas, o segredo está na forma em que ela é inserida no tubo. Os cremes de cada cor se encontram em divisórias separadas e de tamanhos diferentes dentro do aplicador, sendo a do creme branco maior que as dos coloridos. O tubo então é preenchido com todas as cores sendo injetadas ao mesmo tempo, começando pela base do tubo e terminando na região da tampa.

Outro fator importante para que tudo não vire uma mistureba lá dentro é a composição química diferente de cada creme. O creme branco é levemente diferente dos coloridos, e isso aliado ao estado e viscosidade da pasta e a falta de espaços vazios para homogeneização, garantem que uma cor não invada a outra.

Dessa forma, o tubo mesmo quando é dobrado e amassado (dentro de uma certa tolerância e bom senso) permite que as cores não se misturem lá dentro, graças à engenharia envolvida na sua fabricação.

Geral
Larissa Sousa

Larissa Sousa

Não há consenso entre os historiadores sobre a origem do termo.

A conexão entre chifre e pessoa traída é tão antiga que existem diversas especulações, algumas envolvendo associações com o mundo animal, outras com tradições passadas e até com religião.

Listamos abaixo as teorias mais citadas por aí sobre o surgimento do termo:Continue lendo...

Geral
Gabriel Aparecido Domingues

Gabriel Aparecido Domingues

Porque substâncias produzidas pela inflamação da mucosa nasal são liberadas pela cavidade óssea do nariz. Simples, né?

A Mucosa Nasal é a parte do nosso sistema respiratório responsável por revestir as vias aéreas e evitar a entrada de vírus, bactérias e outros micro organismos prejudiciais. Quando estamos resfriados é sinal que este vírus entrou em nosso organismo, e já se instalou nas mucosas. O efeito dessa irritação é a produção do muco e da coriza, que é a tentativa do organismo de evitar que este vírus (no caso do resfriado) chegue aos nossos pulmões. Esta forma de defesa do corpo resulta na liberação do excremento nas fossas nasais, que ligam as narinas à laringe.

Geral
Vanessa Maciel

Vanessa Maciel

Por carinho e para ficarmos impregnados com o cheiro deles.

Em muitas de suas esfregadas, sejam em pessoas, objetos ou até outros gatos, eles estão na verdade se comunicando. Os felinos possuem glândulas na região da testa, ao redor dos lábios, nas patas e nas laterais do corpo que secretam feromônios, que atuam como uma espécie de "comunicadores químicos".

Os feromônios são únicos, como a nossa impressão digital, cada gato tem o seu. As glândulas da face secretam substâncias com efeito calmante para eles. Se esfregando, o gato liberta secreções dessas glândulas e deixa o seu odor impregnado na pessoa ou objeto, marcando-o como seu território. Esta secreção é limpa e indetectável ao olfato humano. É uma forma do gato demonstrar que aquele local, objeto, animal ou pessoa é de sua posse. E você pensando que era o dono dele...

O próximo gato que passar pelo local provavelmente irá parar, cheirar, e identificar se o cheiro é de um gato conhecido, quando ele esteve por ali, em que direção estava se dirigindo e podendo até perceber se estava de bom humor.

Continue lendo...