Games e Tecnologia
5 coisas que você precisa saber antes de recarregar o cartucho da sua impressora

Quem nunca teve uma impressão interrompida por falha no cartucho que atire a primeira impressora! A última recarga parece que foi ontem, só que o imprevisto sempre acontece. Mas, espera aí: você recarrega ou troca o seu cartucho? Pensar que reabastecê-lo é mais barato e polui menos o ambiente é tão errado quanto desobedecer a mãe. Saiba que um estudo mostrou que cartuchos originais produzem 75% mais páginas do que os remanufaturados, isso significa: economia! Então, leia essa matéria que vamos te contar cinco verdades sobre esse tal cartucho de impressora - e depois você decide se vai recarregar o seu usado ou comprar um novinho.


1- Um cartucho novo funciona tão rápido que você não é capaz de ver

Imagina algo acontecer 36 mil vezes. Não, isso não é a quantidade de filhos que o Mister Catra consegue fazer. É a quantidade de vezes que os injetores de pigmento do cartucho vão até a folha de papel - em um único segundo! Vamos explicar: A tecnologia dos cartuchos e toners conta com, em média, 500 bicos injetores. Cada bico tem, mais ou menos, a espessura de ⅓ de um fio do nosso cabelo. Quando a gente aperta o botãozinho de imprimir do computador, um circuito integrado envia essa informação para esses injetores, pulsos de energia criam uma bolha de ar superaquecida que forçam as gotas microscópicas desse pigmento, através dos injetores, ir para a folha em uma velocidade de quase 50 quilômetros por hora. E isso acontece cerca de 36 mil vezes por segundo na sua impressão. Rapidinho ele, né?


2- Mais da metade dos cartuchos remanufaturados falham
Entre tantas opções, parece até difícil de escolher o melhor cartucho para você. Parece, mas não é… Segundo o estudo desenvolvido pelo Buyers Laboratory LLC (BLI), 56% das impressões feitas com cartuchos remanufaturados falharam, enquanto os originais funcionaram perfeitamente em 100% dos testes. Recarregar é uma cilada, Bino. Parece que vai te fazer economizar, mas pode te atrapalhar bastante. Além disso, para quem quer economia, existe a opção do modelo XL, que rendem até três vezes mais impressão, o melhor custo-benefício.

3- Originais aumentam a vida útil da impressora
Cerca de 1 em cada 10 usuários de toner remanufaturado acabaram com impressoras danificadas. E 26% tiveram downtime por causa de problemas nos cartuchos. Quando se compra os originais, eles vêm calibrados para evitar entupimentos dos bocais e a degradação na qualidade da impressão. Além disso, os cartuchos são testados rigorosamente para garantir resultados claros e nítidos na hora da impressão.


4- Cartuchos coloridos falharam 68%
Tinta colorida sempre foi algo para se economizar. Mas não a hora de decidir se é melhor comprar um cartucho novo. Segundo o estudo, os cartuchos de impressão coloridos produziram 115% mais páginas do que os cartuchos recarregados. Além disso, os cartuchos pretos remanufaturados falharam 44% e os coloridos 68%.

5. Cartuchos usados vão para a reciclagem, sim!
E aí você diz: Mas comprando esse tanto de cartucho vou produzir mais lixo, e o meio ambiente? Há! Saiba que muitas empresas tem um programa de reciclagem para seus produtos! Na HP, por exemplo, funciona assim: Você junta, no mínimo, 5 embalagens vazias de cartucho e/ou toner. Deixa em algum dos pontos de coleta pela cidade. Ou liga no Call Center (0800 710 2025), passa os seus dados e pede o recolhimento do produto em sua casa. Depois de recolhido, tudo é encaminhado para o Centro de Reciclagem da HP Brasil, onde as matérias-primas são processadas e novos cartuchos, peças de impressoras ou segmentos industriais são feitos. Aqui nada se perde, tudo se transforma! Clique aqui para saber mais sobre o Programa de Reciclagem da HP

Nós falamos um pouco mais sobre cartuchos e respondemos outras perguntas sobre tecnologia no vídeo dessa semana no nosso canal no Youtube. Olha:

*Conteúdo patrocinado

Games e Tecnologia
Os 15 vilões que mais aterrorizaram os mocinhos do mundo dos jogos

Em 2013 o Guinness Book fez uma pesquisa onde perguntou para mais de 5 mil pessoas: Quem seria o maior vilão do mundo dos jogos?

Dentre os 50 personagens que estavam na lista, não teve surpresa. BOWSER foi eleito o pior dos piores vilões já conhecidos, que aterrorizou por tantos anos o nosso querido encanador bigodudo, Mario.

Veja agora a lista completa com os 15 vilões mais malvados da história dos games:

Continue lendo...

Games e Tecnologia
19 curiosidades sobre a E3: o maior evento de games do universo

Pra quem não sabe a E3 (Electornic Entertainment Expo) é o evento mais importante de games que acontece anualmente.

Ele foi criado em 1995 pela IDSA (Interactive Digital Software Association), atual ESA (Electronic Software Association), considerada a principal representante do setor de games dos Estados Unidos.

Com 19 anos de existência, o mundo pode acompanhar grandes empresas, como Microsoft, Sony, Nintendo, Ubisoft, EA Games, Konami, Capcom, entre outras, lançando em primeira mão seus novos consoles e jogos.

Em 2014, a E3 acontece nos dias 09, 10, 11 e 12 de junho.

Como eu era uma mera criança que ainda aprendia a ler o português e não entenderia inglês, eu preparei um post especial, para você acompanhar os acontecimentos históricos em cada ano de evento.

1 – Quando tudo começou (1995)

A primeira edição da E3, em 1995, foi um dos maiores sucessos da história, com um espaço gigantesco de exposição e mais de 80 mil pessoas, tendo como destaque do ano o Sega Saturn e o Sony Playstation. Vc teve algum desses video games?

2 – Criação de grandes nomes até hoje (1996)

Nesse segundo ano, os games foram as grandes atrações, com o destaque para o desenvolvimento de Final Fantasy VII, para o Playstation. A Nintendo apresentou o seu Nintendo 64 com Super Mario 64, a Capcom mostrava seu primeiro Resident Evil e a Namco apresentava Tekken 2. Já Naughty Dog tinha o conhecido Crash Bandicoot.

3 – É possível dar tiro no colega sem morrer (1997)

O grande destaque do ano foi o surgimento de vários jogos de FPS, como Half-Life e Unreal e a grande sensação foi a apresentação do game Metal Gear Solid para Playstation.

4 – A criação de um mito e de infâncias (1998)

A Nintendo impressionou com The Legend of Zelda: Ocarina of Time, que apareceu pela primeira vez de forma jogável.

5 – Uma nova geração (1999)

O Dreamcast foi apresentado, primeiro console da sexta geração.

6 – Desenvolvimento de líderes (2000)

Entrando nos anos 2000 e continuando com a nova geração, o Playstation 2 foi a principal atração, mas o anúncio do desenvolvimento do Xbox da Microsoft também deu o que falar.

7 – Consoles que marcaram (2001)

A Nintendo apresentava o Game Cube e a Microsoft o Xbox, que seriam lançados no final daquele ano.

8 – Tchau Sega, Oi Xbox Live! (2002)

Foi o ano em que a Sega saiu da produçãoo de consoles, e a E3 foi dominada pelas gigantes Nintendo, Sony e Microsoft. Era anunciado pela primeira vez o Xbox Live.

9 – O portátil do bafafá (2003)

O grande destaque foi a revelação do PSP, que mesmo sem o console ou games no eventos, virou o assunto principal. Esse ano também contou com o crescimento de jogos de MMORPG.

10 – Última feira destaque para a sexta geração (2004)

O PSP e o NDS foram apresentados e a Sony anunciou o desenvolvimento do Playstation 3.

11 – Foi pra TV PLIM PLIM (2005)


A partir desse ano a feira passou a ser televisionada pela rede G4. Tendo como grande destaque o desenvolvimento do Playstation 3, que se apresentava na sua forma protótipo.

12 – Maior que a fila do SUS (2006)

Quem roubou a cena foi a Nintendo com o seu Nintendo Wii e Nintendo DS com filas maiores que a do SUS para jogar os novos consoles da empresa, principalmente os jogos Super Mario Galaxy e Wii Sports. A Microsoft anunciou vários games para o Xbox360 e planos para expandir o serviço Xbox Live. Já a Sony apresentou o preço salgado do Playstation 3.

13 – Os recalcados chora (2007)

A E3 passou a se chamar “Media & Bussiness Summit” que em livre tradução significa "Evento Exclusivo para Hollywoodianos e Grandes Marcas e os Desenvolvedores Independentes que se F... Foquem em Ficar Grandes se Quiserem Participar". Nesse ano, a Sony anunciou o corte de preço do PS3 de 60GB e uma versão com 80GB.

14 – Detalhes não menos importantes (2008)

Ainda com o mesmo nome blasé, a Nintendo apresentou o Wii MotionPlus, que é uma melhoria do Wii Remote, deixando o controle mais preciso nos movimentos. A Microsoft apostou em demos de Gears of War 2, Resident Evil 5, Fallout 3 e Saints Row 2. O Xbox360 ganha suporte ao Netflix e a Sony também aposta que o PS3 é uma central de entretenimentos que vai além dos games, fechando parcerias com a Sony Pictures, Warner Bros, Disney e MGM para vender e alugar vídeos na Playstation Network (PSN).

15 – Controle sem controle (2009)

As rivais fazem uma aposta na mesma linha do Wii. A Sony investe no Playstation Move para o PS3, que promete ser mais preciso que o WiiMotionPlus, mas não é. E a Microsoft surpreende anunciando um projeto que pela primeira vez é possível fazer um controle por gestos, o Kinect, tombando com a cara das inimiga.

16 – Azinimiga pira (2010)

Foi marcada pelo anuncio do Kinect, da Microsoft, um novo Xbox360, o Slim. A Sony apresentou um pouco mais de Playstation Move e jogos como LittleBigPlanet 2, Dead Space 2, Godo f War: Ghost of Sparta e Portal 2. Já a Nintendo apresentou junto à Shigeru Miyamoto, o jogo The Legendo f Zelda: Skyward Sword, além disso, o Nintendo 3DS.

17 – 25 anos, jogos e uma nova geração de consoles (2011)

A Nintendo abriu as portas para uma nova geração de consoles e apresentou ao mercado o wii U, primeiro console que possui tablet como controle e como celebração de 25 anos The Legend of Zelda, foi lançado o Skyward Sword. A Microsoft se dedicou ao lançamento de jogos para o Kinect e para o Xbox360, como Halo 4. Já a Sony mostrou o novo sucessor do PSP, o Playstation Vita (PSV).

18 – Ano dos jogos (2012)

Grandes nomes como Watch Dogs, Black Ops II, Halo 4, Tomb Raider e Resident Evil 6.

19 – Disputa de consoles (2013)

Foi marcada pelas grandes concorrentes Sony e Microsoft que apresentavam seus novos consoles da nova geração, o Playstation 4 e o Xbox One, respectivamente.

Enquanto fazíamos a reunião de pauta, o blogueiro dos cabelos quentes, Erick, quis dar título à essa matéria, dizendo que a E3 é o maior evento do UNIVERSO!!!

Mas o que fiquei curiosa é que em Marte todo ano ocorre a ET3, e por não ser do nosso mundo, não temos conhecimento de números para fazer tal comparação, e ai o que vocês acham? ET3 vs. E3: Qual o maior evento de games do universo?

Games e Tecnologia
13 curiosidades sobre Super Mario que você precisa saber hoje!

Todos nós amamos e conhecemos esse encanador de bigodão notório, um símbolo clássico da Nintendo que possui curiosidades que vão além do que nossos olhos podem ver.

Decidimos separar 13 curiosidades que você provavelmente não sabia e que estavam escondidas entre os muitos canos das fases ao decorrer dos anos.

1- Mário e os Macacos

Muita gente não sabe, mas a primeira aparição de Mario foi em outro game de Shigeru Miyamoto: Donkey Kong, arcade lançado em 1981, considerado uma mistura de “Popeye” e “King Kong”.


2- Mário? Que Mario?

Na época da sua primeira aparição em Donkey Kong, Mario se chamava “Jumpman”. O nome surgiu somente depois, quando o personagem ganhou seu próprio jogo e foi levado para os Estados Unidos. A escolha foi uma homenagem ao dono do depósito que a Nintendo alugava em Redmond, chamado Mario Segale (foto).

3- Mário Lanche Feliz

Com o sucesso de Super Mario Bros 3, o encanador bigodudo virou até surpresinha de Mc lanche Feliz. Alô Mc Donalds, eu quero todos e quero agora!

4- Dor de cabeça jamais!


Ao contrário do que muitos pensam, Mario e Luigi quebram tijolos dando socos e não cabeçadas.

5- Mário japa - level: IMPUSSIBRU

O Super Mario Bros 3 americano é relativamente mais fácil que a versão japonesa, pois em algumas salas que possuem aquele teto com espinhos, a porta fica no canto em vez de estar posicionada entre as armadilhas. Além disso, na versão japa, se o jogador sofrer algum dano dos inimigos quando transformado, ele volta à sua versão “pequena”. Já na americana, você somente perde o “super poder”, mas continua com o Mario “grande”.

6- Preguiça de desenhar?

A Nintendo decidiu economizar no design até nos jogos mais recentes como Mario Kart, sendo as nuvens e os arbustos o mesmo desenho, somente mudando a cor. Mas é claro que isso não tem nada a ver com preguiça de desenhar. Nas versões mais antigas, a técnica ajudava o jogo a ficar mais leve e rápido. Nas modernas é só para dar um toque de nostalgia ;-) Paint dominando esta imagem, hein?

7- Sou eu bola de fogo e o calor tá de matar


As bolas de fogo dos chefões em Super Mario Bros são atiradas “invertidas”, com o rastro indo na frente do projétil. Sdds sentido.

8- "Eu prefiro morrer do que perder a vida" - Del Ocho, Chaves

É relativamente fácil ganhar vidas em alguns jogos da franquia. Em Super Mario Bros, você podia encurralar um casco no final de uma fase e a cada pancada ganhar uma nova vida. Já em Super Mario Bros 3, logo na primeira fase, é possível ficar “quicando” sobre os cascos até chegar ao número máximo de vidas.

9- O chefão que é uma travesti fabulosa

Birdo, um inimigo que surgiu em Super Mario Bros 2 é um garoto que pensa ser uma fêmea e prefere ser chamado de Birdetta - diz o manual do game. Após este jogo, o personagem continua aparecendo, mas sem que seja citado se ele é masculino ou feminino.

10- Viagem entre os mundos

No Super Mario Bros, após atravessar uma parede sólida no fim do mundo 1-2, é possível viajar para o mundo 1, conhecido como “Minus World” ou “World Negative One”.

11- Preferia ver o filme do Pelé!

Mario e Luigi saíram do videogame e foram para os cinemas em 1993, mas o filme foi um fracasso de crítica, renda e público. O motivo de tamanho fracasso todo mundo sabe. É que o longa ficou ó: uma bosta!

12 - Só os top


A Nintendo juntou os queridinhos da empresa e fez uma participação especial de Link, o herói de Zelda, em um dormitório do Super Mario RPG.

13- O Clone - Nintendo version


Mario encontra-se com o chefão da família real, no final do terceiro mundo, e bem... ele é uma espécie de clone do Mário.

Espero que você tenha gostado da primeira lista e da novíssima categoria Games e Tecnologia™ aqui do MUITO interessante! Fica de olho porque VAI TER POST DIÁRIO SIM!

Games e Tecnologia
Aprenda inglês vendo filmes e séries: pergunte-me como

Se você gosta de assistir filmes e séries, não tem mais desculpas para não falar inglês. E se você não gosta, que tipo de pessoa é você, meu jovem?

A bola da vez é a startup francesa Fleex, que em parceria com a Popcorn Time - conhecida como “Netflix pirata" - te ajuda a aprender inglês com legendas customizadas nas séries e filmes de maior sucesso.

QUERO AGORA! ME EXPLICA ISSO DIREITO PFVR?!?!?!

Calma, a gente explica! Na realidade é bem simples.

Os estudantes começam sempre no primeiro nível, onde são mostradas duas legendas simultâneas: sua lingua nativa e a outra em inglês. À medida que você vai se aprimorando nas falas mais simples, será mostrado somente a legenda em inglês. O intuito é utilizar cada vez menos a legenda da lingua nativa, chegando ao ponto em que nem a legenda em inglês seja mostrada.

O sistema também permite que você clique em uma palavra específica para ver a definição e salvar alguns vocabulários.

Fleex é pago e a mensalidade custa 4,90 euros (aproximadamente R$15,00) e já possui 29 idiomas, incluindo português.

Espero que outras empresas abracem a idéia com um preço justo, já que informação nunca é demais! o/