Cinema

A estatueta do Oscar, de cerca de 13,5 centímetros de altura e 8,5 quilos, é possivelmente o prêmio mais reconhecido do mundo. E por mais que seja muito cobiçada por celebridades do Cinema e banhada com ouro, não significa que seja realmente valiosa.

Vender uma estatueta do Oscar é praticamente impossível. Isso porque quem tem um Oscar, na verdade, não tem um Oscar. A Academia de Artes e Ciências Cinematográficas emprestam as estatuetas aos ganhadores. Isso acontece desde a década de 1950.

Um vencedor do Oscar não pode vender ou se desfazer de uma estatueta sem primeiro oferecer para venda à Academia por US$ 1 dólar. E as regras não se aplicam apenas ao vencedor, mas também a seus herdeiros e a qualquer um que de alguma forma adquiriu um Oscar.

Caso você coloque as mãos em uma estatueta do Oscar cunhada antes de 1950, a sorte sorriu para você. Embora a Academia tenha mudado as regras em 1950 para restringir a venda do Oscar, não havia regras antes disso. E mais de 150 desses primeiros prêmios foram para leilão.

Um dos maiores pagamentos foi a venda do Oscar de Melhor Filme de 1940 por 'E o vento levou'. O rei do pop, Michael Jackson, conseguiu a estatueta em um leilão em 1999 por meros US$ 1,54 milhão.

Não são apenas as grandes categorias que podem ganhar muito dinheiro. O Oscar de 1942 de Melhor Roteiro para o 'Cidadão Kane' foi vendido em um leilão na Califórnia em 2011 por surpreendentes US$ 861.542, segundo a Reuters. Até mesmo um Oscar de Melhor Gravação de Som - oferecido em 1942 pelo Yankee Doodle Dandy - foi vendido em leilão em 2011 por US$ 89.625.

Ganhar um Oscar aumenta os ganhos na carreira? Para os homens, ganhar uma estatueta pode fornecer um grande impulso para seu futuro potencial de ganhos, de acordo com um estudo realizado em 2010 pelos pesquisadores da Universidade Colgate. Segundo a pesquisa, os atores masculinos vêem um aumento de 81% no salário depois de ganhar um Oscar - cerca de US$ 3,9 milhões.

Mas a recompensa não foi tão clara para as mulheres. Na melhor das hipóteses, ganhar um Oscar de Melhor Atriz valeu até US$ 500.000, segundo o estudo.

Fonte

Cinema
#MeanGirlsDay é hoje e o próximo só acontecerá em 3 de outubro de 2029!

Clique aqui para conferir esta thread no Twitter.

Cinema
Os 10 melhores filmes de super-heróis da história do cinema

Na última lista relembramos os 10 piores filmes da história do cinema, e após tanto ódio exalado tanto no post como nos comentários, chegou a hora de relembrarmos os 10 MELHORES filmes do gênero. Nem todos se deram super bem nas bilheterias, com a crítica e com o público ao mesmo tempo, mas com certeza em algum aspecto foram muito bem sucedidos, tendo pelo menos algum deles espaço eterno em nossos corações. Esperamos que neste ano repleto de lançamentos, os filmes sejam tão bons quanto os listados abaixo: Continue lendo...

Cinema
Os 10 piores filmes de super-heróis da história do cinema

Num ano repleto de lançamentos de filmes de super-heróis nos cinemas, nada como olhar pra trás e relembrar as grandes bombas que já foram exibidas nas telonas. Não foram poucos, mas elegemos 10 filmes que tiveram o superpoder de serem grandes fracassos cinematográficos. Alguns ainda se deram bem nas bilheterias, outros não, mas independente do lucro ou do tempo que ficaram em cartaz, fato é que nenhum deles caiu no gosto do grande público.


10 - O Quarteto Fantástico (2005)

Semanas em cartaz: 25

Custo de produção: US$ 100 milhões

Arrecadação mundial: US$ 330 milhões

Mesmo com o bom elenco e grandes efeitos especiais, o filme foi tão fraco quanto o original, lançado em 1994, e não agradou nenhum pouco aos fãs.

9 - Homem-Aranha 3 (2007)

Semanas em cartaz: 16

Custo de produção: US$ 259 milhões

Arrecadação mundial: US$ 890 milhões

Uma mistura louca de vilões com uma história fraca e até um Peter Parker emo não poderia dar em outra a não ser uma grande bomba cinematográfica. Um decepcionante encerramento para a trilogia de Sam Raimi.

8 - Motoqueiro Fantasma (2007)

Semanas em cartaz: 11

Custo de produção: US$ 110 milhões

Arrecadação mundial: US$ 228 milhões

Mais um fracasso pra coleção de Nicolas Cage, o Motoqueiro Fantasma conta com Mark Steven Johnson como diretor, outro que adora lançar bombas por aí. Um filme ruim, com personagem fraco e totalmente esquecível.

7 - Hulk (2003)

Semanas em cartaz: 15

Custo de produção: US$ 137 milhões

Arrecadação mundial: US$ 245 milhões

Dirigido por Ang Lee, o filme foi muito criticado por ser arrastado demais e pela baixa qualidade dos efeitos especiais. Os fãs de HQ se irritaram tanto com o filme que o ator Eric Bana chegou a pedir desculpas durante uma entrevista.

6 - Aço (1997)

Semanas em cartaz: 2

Custo de produção: US$ 16 milhões

Arrecadação mundial: US$ 1,7 milhões

O filme mesmo tendo como protagonista um dos maiores astros do basquete Shaquille O’Neal não escapou do fracasso nas telas de cinema. Além de ser massacrado pela crítica, o longa arrecadou apenas US$ 1.7 milhão dos US$ 16 milhões investidos.

5 - Lanterna Verde (2011)

Semanas em cartaz: 15

Custo de produção: US$ 200 milhões

Arrecadação mundial: US$ 220 milhões

O uniforme de CGI, algumas interpretações e principalmente o roteiro foram os maiores alvos das críticas negativas do filme. Com um protagonista que também não convenceu, o filme acabou fracassando até nas bilheterias.

4 - Demolidor (2003)

Semanas em cartaz: 22

Custo de produção: US$ 78 milhões

Arrecadação mundial: US$ 179 milhões

Obra prima fecal que rendeu o prêmio Framboesa de Ouro de Pior Ator para Ben Affleck (que vamos torcer pra que não se repita com o próximo Batman). Mais um filme mal dirigido por Mark Steven Johnson, que além de ruim ainda desrespeita o personagem das HQs.

3 - Elektra (2005)

Semanas em cartaz: 11

Custo de produção: US$ 43 milhões

Arrecadação mundial: US$ 56 milhões

Um péssimo filme derivado de outro já ruim (Demolidor), que descaracterizou totalmente a personagem da HQ e além de receber duras críticas não se saiu nada bem nas arrecadações. Um spin-off que nem a própria Jennifer Garner gostou de ter protagonizado, tendo gravado apenas por motivos contratuais.

2 - Batman e Robin (1997)

Semanas em cartaz: 14

Custo de produção: US$ 125 milhões

Arrecadação mundial: US$ 238 milhões

Apontado em várias listas como um dos piores filmes de todos os tempos, arrependimento na carreira de George Clooney, desculpas públicas do diretor Joel Schumacher e até uniformes com mamilos. Uma obra que só deve ser lembrada para se ter um exemplo de como não fazer um filme de super-herói.

1 - Mulher-Gato (2004)

Semanas em cartaz: 13

Custo de produção: US$ 100 milhões

Arrecadação mundial: US$ 82 milhões

Presente em todas as listas possíveis sobre piores filmes de super herói, indicado a sete prêmios do Framboesa de Ouro e "vencedor" de quatro deles (entre eles pior filme e pior atriz para Halle Berry), prejuízo de quase US$ 20 milhões, odiado pela crítica e pelo público. Se tivesse um sub-título condizente com o filme este seria: "Vamos fingir que isso nunca existiu".

Aliás, a cena da Halle recebendo o Framboesa de Ouro é tão boa que quase valeu a pena ela ter feito o filme.

Vídeo sugerido pelo @_doMRG no twitter!

Deixe nos comentários outras bombas que ficaram de fora, e sugira um filme FODA de super-herói que mereça entrar na nossa próxima lista, que é como essa só que ao contrário, pois falaremos sobre os MELHORES filmes de super-heróis de todos os tempos. o/