Geral
Pro fundo do gol? Brasileiros preferem fazer sexo à Copa

Muita gente ficou triste com a derrota para a Bélgica por 2 x 1 e a eliminação da Seleção da Copa do Mundo. Para os apaixonados por futebol, logo chega a Copa América de 2019. Os brasileiros parecem estar interessados em outra atividade, entretanto: uma boa transa. De acordo com uma pesquisa do site SexLog, 97,4% dos brasileiros preferem fazer sexo a assistir um jogo de futebol. O levantamento também procurou conhecer as preferências de outros países. Os portugueses são os que mais pesquisam sobre troca de casal em detrimento a esportes.

O termo swing é três vezes mais buscado do que futebol pelos lusos. Os russos, anfitriões da Copa, são quem mais buscam o termo troca de casal, cerca de 38% dos usuários. Em seguida, estão Austrália (26%) e Inglaterra, com 20%. O Brasil ocupa o sexto lugar com 7%. O Brasil faz 4 milhões de buscas mensais de termos ligados a sexo. O tema mais pesquisado em 2017 pelos brasileiros foi “lésbicas”. Os italianos fazem 10 vezes menos buscas e são nacionalistas - o termo mais buscado é “italianas”. Já os alemães procuram mais a expressão sexo anal.

Fonte

Comentários (
0
)