Geral
Esperança belga: quem elimina o Brasil em mata-mata é finalista da Copa

A primeira semifinal da Copa do Mundo de 2018 acontece nesta terça (10), em São Petersburgo, entre França x Bélgica. Para os belgas, há a empolgação de jogar a primeira semifinal desde 1986. Já do lado francês, a sensação Kilyan Mbappé levou os gauleses a ficar entre os quatro primeiros do Mundial pela primeira vez desde 2006. Na história, são apenas dois confrontos entre franceses e belgas: em 1934, na Itália, 3 x 1 para a França. No México, em 1986, na decisão do 3o lugar, 4 x 2 para os franceses, após 2 x 2 no tempo normal.

Uma coincidência na história das Copas do Mundo joga a favor dos belgas: com exceção de 1986, quem elimina o Brasil chega à final da Copa. Na Itália em 1990, foram os argentinos. Em 1998, o Brasil perdeu a final para a França. Em 2006, outra derrota brasileira para os franceses - desta vez, nas quartas. Em 2010, a Holanda bateu o Brasil também nas quartas e em 2014, a Alemanha aplicou 7 x 1 no Brasil em pleno Mineirão.

Em 1982, a Itália bateu o Brasil na segunda fase e foi campeã. Mesmo caso da Argentina em 1978 - venceu quadrangular com o Brasil e ganhou o título em casa. Em 1974, a Holanda bateu o Brasil na semifinal. Em 1954, a Hungria bateu o Brasil nas quartas e em 1950, o Brasil perdeu a final em casa para o Uruguai. Em 1938, o Brasil foi derrotado na semifinal pela Itália. Ou seja, ao olharmos a história, pode ser um indício de final inédita para a Bélgica.

Comentários (
0
)